Página interna do livro O Clã dos Magos. Cuidado, esse post possui spoilers

Resumo do livro O Clã dos Magos

Algumas pessoas, como eu, leem um volume e acabam não continuando a saga logo em seguida. Outras apenas gostam de saber da história completa para avaliar se vale a pena investir ou não na leitura.

Para todos os casos, confira esse resumo detalhado da história do livro O Clã dos Magos, o primeiro volume de A Trilogia do Mago Negro. Relembre (ou conheça) os personagens, os principais acontecimentos e o universo do livro.


Lembre-se que um resumo possui spoilers da trama! Se você busca apenas um post opinativo, você pode ler a resenha de O Clã dos Magos, aqui no blog.


O Dia da Purificação

O livro O Clã dos Magos começa no Dia da Purificação, data que os magos ‘garantem’ a segurança da cidade principal, afastando ladrões e mendigos das ruas do reinado. Eles o fazem a mando do Rei e das casas, que detestam a favela e seus moradores.

Sonea, a personagem principal, é uma menina de 14 anos a procura de um lugar para voltar a morar nas favelas. Ela e seus tios foram expulsos de dentro dos muros, pois,  segundo os guardas, o hotel que moravam estava lotado demais.

Durante sua caminhada, ela acaba escutando sobre uma suposta armadilha para uma gangue de arruaceiros. Como eram de seus antigos companheiros que eles estavam falando, Sonea foi tentar encontrar alguém para avisá-los.

Ao tentar ajudá-los, a personagem acaba se metendo no meio da confusão. Quando todo o grupo foi encurralado pelos magos, a purificação começou e toda a gangue começou a jogar pedras em direção ao escudo protetor do Clã. O ato não tinha impacto nenhum, apenas demonstrava como a população odiava passar por aquela humilhação.

Sonea também estava muito irritada por ter sido expulsa sem motivo. Ela resolveu  jogar, da mesma forma, uma pedra. Para a surpresa de todos, inclusive dela, o objeto passou o escudo e acertou a  têmpora de um dos magos.

Percebendo que era magia – pois aquilo só era possível com magia  – os magos procuraram de qual direção veio a pedra. Um deles havia visto de relance o culpado, e apontou na direção de Sonea.

Em uma tentativa desesperada, os magos tentaram paralisar um outro menino que estava ao lado de Sonea, matando-o carbonizado. A garota correu e foi salva pelos seus amigos, com a plena certeza que o Clã a queria morta.

A fuga de Sonea

Sonea passou a se esconder de sua perseguição com a ajuda de Cery, um dos seus amigos e integrante da gangue.

Ao mesmo tempo, O Clã não poderia deixar uma renegada à solta nas favelas, ainda mais quando poderes que se liberavam naturalmente tendiam a ser muito poderosos. Normalmente, os poderes mágicos de alguém só eram acessados com a liberação de outra mago.

Após ficar sem saída para fugir principalmente de Fergun, o mago que Sonea havia acertado, Cery procurou, através de antigas conexões, a ajuda dos Ladrões. Eram eles que controlavam todo o subterrâneo e outras atividades ilegais da cidade.

Ilustração de Fergun - por Fukari
Ilustração de Lorde Fergun – por Fukari

Vendo utilidade na possibilidade de ter uma maga para si, os Ladrões tentaram ensinar Sonea a usar sua magia, mas cada vez mais ela invocava seus poderes sem perceber.

O Clã e principalmente Rothen, o mago que viu Sonea no dia da purificação, faziam buscas incessante. Ele estava preocupada com o bem-estar da garota, e sabia que seria muito difícil mostrar que ela precisava confiar nele caso quisesse sobreviver à tudo aquilo.

Dannyl, ex-aprendiz de Rothen, tentou negociar com os Ladrões sobre o mal negócio que estavam fazendo. Tudo isso era feito sem outros magos terem conhecimento, mas para ele era a única maneira de conseguir encontrar Sonea.

Ainda no meio da fuga, Cery a levou até a casa do Clã clandestinamente para tentar ajudá-la. De nada adiantou, mas Sonea presenciou uma cena que a deixou apavorada. Ela viu um homem em farrapos cheios de sangue colocar uma túnica negra dos magos. Além disso, o mago cortou o pulso do outro homem que estava lá e pediu mais poder dele.

O treinamento

De volta à favela, Sonea acabou destruindo sem querer quase todos os esconderijos dos Ladrões. Mas, por causa disso, o Lorde Supremo do Clã, Dannyl e outros magos conseguiram encontrá-la. Seus poderes já estavam praticamente fora de controle, mas Rothen conseguiu acalmá-la e fazer com que ela os esgotasse.

Sonea foi levada para o Clã e treinada diretamente por Rothen, que a incentivava a ficar e virar uma aprendiz. Ela não acreditava no Clã e não via seu futuro dentro dele. Ela nem queria ser uma maga.

Porém, para ser aceita como Aprendiz, o Administrador do Clã ordenou que Rothen ensinasse o controle da magia em tempo recorde. O guardião resolveu que conseguiria a confiança dela e a faria se juntar a eles.

A escolha do Guardião

Após aprender o controle e aceitar ficar no Clã, Sonea precisava escolher entre Fergun e Rothen para ser seu Guardião até que as aulas começassem. Geralmente, o primeiro mago que sentiu o poder do aluno era quem recebia a preferência. Porém, apesar de Rothen a ter visto primeiro, quem sentiu o poder foi Fergun, quando foi acertado pela pedra.

Cery, tentando resgatar Sonea, foi raptado por Fergun. O mago não aceitava de maneira alguma a possível entrada de uma favelada no Clã. Por isso, capturou o amigo para ameaçar Sonea a aceitá-lo como guardião. O Mago vermelho, na verdade, queria que ela fosse expulsa do Clã o mais rápido possível, depois que ela fizesse um ‘favor’ a ele.

No dia da Audiência, ela precisava dar a palavra final . Em desvantagem e com medo do que poderia ser de Cery, ela precisou dizer que iria aceitar Fergun como seu guardião. Rothen ficou devastado e não entendeu seus motivos.

Ao mesmo tempo, o Lorde Supremo Akkarin encontrou Cery e descobriu sobre os planos de Fergun ao fazer uma leitura de mente no garoto. Intrigado, o Mago de túnica negra foi até a Audiência e revelou a captura de Cery e todos os outros planos envolvidos.

Porém, quando Sonea acusou Fergun de ameaçá-la, o Administrador Lorlen foi obrigada a fazer a leitura da verdade em Sonea. Ele acabou descobrindo também sobre o que ela tinha visto no Clã muito tempo atrás: o Lorde Supremo sujo de sangue, e utilizando magia proibida para se recuperar.