A Canção do Sangue - Imagem destaque Blog Amor por Livros

A Canção do Sangue – A Sombra do Corvo #1

Não vou fingir que não adoro fantasias medievais. Posso até dizer que é meu estilo favorito, apesar de gostar também de romances bregas, histórias malucas e contos de fadas. Entre os livros que li esse ano e que me impressionaram (pois eu nunca tinha ouvido falar) foi A Canção do Sangue de Anthony Ryan.

A Canção do Sangue foi publicado originalmente em 2011 pela editora Penguin Books (após ter sido auto-publicado, na verdade, na internet) e em 2014 pela LeYa, aqui no Brasil. Ano passado a editora brasileira lançou novas capas ilustradas perfeitas para a estante de qualquer amante de livros. Eu consegui o e-book na Amazon de graça um tempo atrás! Pode deixar que irei publicar aqui caso ache uma super promoção de novo.

A série já está completa, então você não precisa se preocupar em ter que esperar (olá, Game of Thrones)! E está dividida em 3 títulos: A Canção do Sangue, O Senhor da Torre e A Rainha do Fogo.



Título
: A Canção do Sangue
Série: A Sombra do Corvo #01
Autor: Anthony Ryan
Páginas: 656
Editora: LeYa
Lançamento: out/2014

Sinopse: Quando Vaelin Al Sorna, um garoto de apenas 10 anos de idade, é deixado por seu pai na Casa da Sexta Ordem, ele é informado que sua única família agora é a Ordem. Durante vários anos ele é treinado de forma brutal e austera, além de ser condicionado a uma vida perigosa e celibatária. Mesmo assim, Vaelin resiste e torna-se líder entre seus Irmãos.

Ao longo de sua jornada, Vaelin também descobrirá de quem foi o verdadeiro desejo para que ele fosse entregue à Ordem – o objetivo sempre foi protegê-lo, mas ele não tem ideia do quê. Aos poucos, indícios de uma esquecida Sétima Ordem e questões acerca das ações do Rei Janus fazem Vaelin Al Sorna questionar sua lealdade. Destinado a um futuro grandioso, ele ainda tem que compreender em quem confiar. Neste primeiro volume da trilogia A Sombra do Corvo, Anthony Ryan estreia de maneira promissora com uma aventura repleta de ação.


O livro inicia com a narrativa de Lorde Verniers, cronista do império e responsável pelos relatados da última guerra com o louco Rei Junos. Como testemunha do duelo do Matador do Esperança, ele viaja de navio junto ao prisioneiro até o local destinado a sua certeira morte, além do continente.

Em seu caminho, ele se sente curioso, apesar de toda sua raiva e preconceito, sobre a verdadeira história do Matador do Esperança, também conhecido como Vaelin al Sorna, a espada do rei.

Vaelin inicia seu relato desde sua infância – quando foi deixado, contra a sua vontade, aos cuidados da sexta ordem pelo próprio pai.

“- Sim. A lealdade é nossa força. Lembre-se disso. Lembre-se de que é meu filho e que quero que fique aqui. Neste lugar você aprenderá muitas coisas, se tornará um irmão da Sexta Ordem. Mas será sempre meu filho, e honrará meus desejos.”

Opiniões sobre A Canção do Sangue

Como qualquer livro épico e mágico, o começo é um pouco difícil e a quantidade de páginas assusta, mas o autor compensa ao mostrar os acontecimentos ‘místicos’ aos poucos. No decorrer da leitura temos certeza que a história tem muito mais detalhes e incertezas do que foi possível abordar no primeiro livro da trilogia.

Um ponto negativo é a opção da narrativa em dois tempos, passado e presente, usada muito no começo e depois praticamente esquecida. O vai e vem temporal retorna com tudo quase na conclusão da guerra, onde o autor mistura os fatos do próprio passado para criar mais suspense o que me deixou um pouco confusa ao iniciar os capítulos.

Finalmente, sobre o preço: A Canção do Sangue é um pouco salgado, em torno de R$45,00. Mas, não se assuste! É porque o livro realmente tem muitas páginas. Na data de publicação desse post (12 de junho de 2017), o site mais em conta para comprá-lo é na Amazon, por R$39,20. E veja bem, você ainda pode tê-lo de graça pelo programa mensal Kindle Unlimited 🙂

No Skoob (rede social de livros), existem poucos cadastros de leitura, mas a nota dada é altíssima, com 4,6 de 5! Eu com certeza indico para quem gosta do estiloRealmente é difícil entender porque esse magnífico livro não tem o destaque que merece!

Deixem seus comentários sobre a série e outros livros! Até a próxima!